​SEM TEMPO RUIM NA CABEÇA E NO CORAÇÃO

  • 04/12/2018
  • 0 Comentário(s)

​SEM TEMPO RUIM NA CABEÇA E NO CORAÇÃO

Oficialmente o inverno ainda não começou, mas os dias muito frios e curtos já fazem parte de nossa rotina. Pra quem trabalha e mantém as atividades como em qualquer estação é normal encarar estes longos meses de escuridão. Mas pra quem tem que arrumar o que fazer todos os dias não é fácil. Eu percebi que quando vem uma preguicinha de sair, por menor que seja, você acaba ficando em casa. Isto, pelo menos a meu ver, não é nada bom. Tem que se cuidar para não ficar arrumando coisas em casa o dia todo ou ficar esticada na frente da TV por longas horas. Isso faz o bom humor ir embora e dar lugar à irritabilidade. Isso, sem falar que pode cair numa depressão. principalmente se tiver pré-disposição para isso.

Sem brincadeira, eu me esforço muito para ir para a academia. Às vezes dá vontade de voltar pra cama e mandar tudo pra aquele lugar. Mas daí vem o sentimento de culpa de não estar fazendo algo pela tua saúde. Portanto, começo com um bom café da manhã vendo o dia amanhecer. E isso não tem nada a ver com o amanhecer no Brasil. O clarear é amarelado quando tem sol. O que ocorre muito pouco nesta estação. O normal são dias cinzentos e chuvosos. Aquela chuvinha fraquinha, chata e que, se a temperatura cair muito, pode se transformar em neve. Ah, bom! Aí a coisa muda de figura. A neve é linda e aprendi a ver a previsão do tempo todos os dias (aquela que mostra o tempo de hora em hora) só para saber se os floquinhos vão cair. Neste ano ela ainda não apareceu. Ah, mas a esperança é a última a ir embora!

Procuro sair todos os dias. É raro ficar em casa. E olha que a minha saúde não está lá essas coisas. Tem momentos que acho que não vou suportar. Mas quando subo na bicicleta e saio admirando a paisagem, mesmo agora com as árvores sem folhas e com poucas flores, sinto que a minha vida é muito boa e só tenho a agradecer a Deus. Tudo é muito bonito por aqui e isso ajuda a renovar minhas forças. E quando chego na academia e encontro o pessoal divertido e alegre, vejo que fiz a coisa certa. Passo horas por lá me exercitando, rindo, conversando e tomando cafezinhos.

Fazer amigos. Isso é uma coisa que aprendi ao longo da vida. Sem eles, acho que tudo ficaria meio sem graça, sem sentido. Mantenho meus amigos e amigas do Brasil porque são a extensão da minha família (logo estarei de volta!). Mas me permiti fazer novas amizades por aqui. E acredite, tem alguns com quem nunca mais pretendo perder o contato. É maravilhoso quando uma amiga te convida para um passeio de bicicleta até uma floricultura imensa que tem por aqui e depois tomar um bom café. Hum, tem coisa mais agradável? Outra te convida para ir nadar toda sexta-feira num complexo de piscinas na cidade vizinha (adoro nadar). Sem falar nas que te levam em pequenas viagens. Passear e conhecer novos lugares com amigas é uma delícia. Eu tento retribuir tudo isso, fazendo comidinhas em minha casa. Uma oportunidade para sorrir e abraçar minhas amigas. Tomando um bom vinho, principalmente! 

0 Comentários


Deixe seu comentário


Aplicativos


 Locutor no Ar

Dj Clube dos Blogueiros

Madrugadão

00:00 - 06:00

Peça Sua Música

Seu Nome:
E-mail:
Seu Pedido:


Anunciantes